A Guerra Fria e suas invenções

Todos sabemos que a Guerra Fria não foi uma Guerra de batalhas em campo, e, sim um guerra ideológica, na qual o mundo que conhecemos foi dividido em dois, a parte capitalista comandada pelos EUA e a parte socialista comandada pela URSS. Todas as partes se armaram fortemente, inclusive com bombas nucleares, mas não se sabe ao certo se realmente pretendiam usar, apenas a ameaça de ataque constante foi suficiente para deixar o lado adversário paralisado. O maior marco da Guerra foi o Muro de Berlim que dividiu Berlim em duas, além de ser uma barreira física, foi também um símbolo da polarização do mundo.

Image

A falta de democracia, o atraso econômico e a crise nas repúblicas soviéticas acabaram por acelerar a crise do socialismo no final da década de 1980. Em 1989 cai o Muro de Berlim e as duas Alemanhas são reunificadas. No começo da década de 1990, o então presidente da União Soviética Gorbachev começou a acelerar o fim do socialismo naquele país e nos aliadosO fim da Guerra, não trouxe apenas o fim de uma instabilidade, também mostrou a supremacia capitalista diante do socialismo.

Durante a Guerra fria houve a invenção de aparelhos que utilizamos ate hoje, são coisas que estão tão presente no nosso cotidiano que nem pensamos procurar saber a fundo sua origem:

Forno de microondas

INVENTOR – Percy Spencer

PAÍS – Estados Unidos

Quando a Segunda Guerra estava no fim, um funcionário da fornecedora militar Raytheon, o engenheiro Percy Spencer, notou que um chocolate em seu bolso derreteu quando ele inspecionava magnétrons, componentes usados em radares. Deduzindo que a meleca havia sido causada pelo calor gerado pelos magnétrons, Percy criou um aparelho para aquecer comida usando esse princípio. A Raytheon comprou a idéia e lançou o microondas.CURIOSIDADE – O primeiro microondas pesava 340 quilos e custava de 2 mil a 3 mil dólares!

Computador

INVENTOR – Engenheiros da Universidade da Pensilvânia

PAÍS – Estados Unidos

O primeiro computador, chamado de Eniac, surgiu nos Estados Unidos. Projetado para o Exército americano, o aparelho servia para ajudar nos cálculos de artilharia. O bichão ficou pronto em 1946 e ajudou nos cálculos para construir a bomba de hidrogênio, testada pelos Estados Unidos em 1952.CURIOSIDADE – A máquina tinha mais de 2 metros de altura e ocupava uma área de 15 por 9 metros – algo como um armário gigante. Custou em torno de 400 mil dólares.

O fato dos Estados Unidos serem tecnologicamente superior aos países socialistas, o tornou capaz de inventar e produzi-los.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s